Review – Green Valley com Cat Dealers e NERVO

By on 06/01/2020

Review – Green Valley dá start em 2020 com Cat Dealers e NERVO

Depois de um encerramento de ano memorável e de uma virada de ano badalada, o Green Valley reabriu suas portas e começou de forma oficial ao ano de 2020, com uma festa pra ninguém botar defeito. Na segunda abertura consecutiva do verão, os fãs da música eletrônica tiveram uma noite regada ao “bom e velho EDM” das irmãs do NERVO, a versatilidade do som do Cat Dealers, além de muita qualidade com as demais atrações, que representaram do início ao fim no club número 1 do mundo no último dia 4.

Como pontos altos da noite, podemos listar sem dúvidas os irmãos escalados como headliners, afinal, as duas duplas tem essa peculiaridade em comum, os laços de sangue! Antes deles, vale destacar o warm up consistente e cativante feito pelo residente Rodrigo Vieira e a excelente apresentação da folclórica dupla Felguk (ou nesse Green Valley, apenas “Guk”), que mostra como é se manter em alta depois de tanto tempo em cima de sua flexibilidade que em mais de 10 anos de carreira, já migrou por diversas sonoridades, do Electro House ao Brazilian Bass.

Cat Dealers assumiu as pickups e entregou um set regado aos seus maiores hits, novas IDs e muita, muita respostas (mesmo) do público que, dançava, cantava junto e vibrava, num calor daqueles, fazendo realmente o nível ficar lá em cima. Com hits como “Ai Ai Ai” (em parceria com Felguk, que foi ao palco), “Gone Too Long” (com Bruno Martini) e “Wanting You”, além de seu repertório já conhecido, decorado e celebrado por seus fãs, trouxe uma atmosfera mágica ao club número 1 do mundo.

Veja algumas fotos do último evento do Green Valley aqui!

Em seguida, o Green Valley recebeu depois de muitos anos (aparentemente 6!) o retorno das irmãs mais amadas da cena eletrônica mundial: Olivia e Miriam, mais conhecidas como NERVO, trouxeram sua nova sonoridade mescladas aos seus hits atemporais que saudaram os tempos de ouro do EDM, no início da última década e que perdura até hoje, com suas limitações e mudanças. Com um bom toque de trance em seus pop-dançantes, as irmãs entregaram seus vocais icônicos entre bpm elevados e melodias cativantes. Entre os destaques, uma novidade: o novo hit a ser lançado, fruto de parceria das irmãs com Vini Vici.

Assumindo o palco depois das irmãs, JORD trouxe um gás extra essencial para o encerramento de uma grande noite. Depois de um ano de ascensão absurda (e pra lá de merecida), entregou um set clamoroso, repleto de produções autorais, IDs e batidas cativantes, como em “The Book” e “Potter 2.0” (com KVSH).

Não bastasse tudo isso, ao fim do set de JORD, mais uma surpresa pra lá de agradável. Um “morning” ou “after set” (chame como quiser!) reunindo os irmãos do Cat Dealers, Rodrigo Vieira e o próprio JORD, trouxeram um set delicioso e um pouco diferente da premissa da festa até então: com um bocado de progressive house e techno melódico, pra encerrar a festa da melhor maneira possível!

A próxima abertura do Green Valley é no próximo dia 11 de janeiro, com grandes nomes: Chemical Surf, Victor Lou, Gustavo Mota, Mat.Joe e Korvo. Os ingressos podem ser encontrados pelo Ingresso Nacional.

Mais novidades no nosso Facebook!

Gregory Silva

About Gregory Silva

25. Manézinho da Ilha radicado na selva de pedra paulistana, apaixonado por música eletrônica, vivendo a procura do drop perfeito!